Notícias

Ver notícia

Colocada em operação no final do ano passado, a adutora da Rua Nilo Anastácio Vieira contribuiu para melhorar as condições de abastecimento e evitar precariedade no fornecimento de água na região central da cidade. Para que entrasse em operação, foi necessário a extensão de rede, interligações, instalações de registros e descargas. Fernanda Barreto, coordenadora operacional da Águas de Penha, lembra que parte da adutora já tinha sido construída pela concessionária.

O diretor executivo da empresa, Gabriel Buim, explica que, além de melhorar as condições de abastecimento, a nova adutora oferece tranquilidade operacional e amplia a qualidade do serviço prestado, principalmente em períodos em que a Águas de Penha precisa realizar manobras operacionais. “O objetivo é garantir que o sistema opere normalmente e forneça água em quantidade e qualidade para abastecer”, destaca.

O setor onde foi implantada a nova adutora era de difícil recuperação, principalmente por possuir muitas tubulações diâmetro menor e distantes da rede principal de abastecimento. “Os investimentos da Águas de Penha significam melhorias operacionais a serviço da saúde e da qualidade de vida da população local, além de preservar o meio ambiente”, acrescenta Buim. Sem a preservação ambiental, as reservas de água tendem a se exaurir mais rapidamente.

Compartilhar:

Veja Também

Principais Dúvidas Saiba mais
Principais Dúvidas

Há algum projeto de revitalização sendo realizado no Rio Iriri e Gravatá? O Rio Iriri possuirá um ponto de lançamento de efluente tratado...

Água Saiba mais
Água

Antes de chegar às torneiras, a água percorre um longo caminho pelo sistema de abastecimento da Águas de Penha.

Sanear Penha Saiba mais
Sanear Penha

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.