Notícias

Ver notícia

Reforçar e fiscalizar as medidas de higiene continuam sendo as principais alternativas para conter a propagação do novo coronavírus. O Ministério da Saúde atualizou as recomendações do uso das máscaras protetoras pela população, estendendo a importância a todos que necessitam sair de casa e não mais para uso exclusivo de profissionais da saúde.  Em Santa Catarina, os colaboradores da Águas de Penha estão utilizando máscaras faciais durante o trabalho.  Reginalva Mureb, presidente da concessionária, e’xplica que além de fornecer as máscaras para toda a equipe, a empresa está com uma campanha interna bem intensa de orientação para reduzir os riscos de contaminação pelo novo coronavírus (Covid 19).

Desde a notificação dos primeiros casos do vírus no Brasil, a Águas de Penha está prestando orientações frequentes sobre todas as medidas preventivas recomendadas pelas autoridades de saúde aos seus colaboradores. As informações são diárias e vão desde a higienização correta das mãos e equipamentos até a massificação dos serviços de teleorientação médica para que seus profissionais evitem ir a hospitais. A empresa também adotou protocolos de segurança, tais como: suspensão temporária de eventos e viagens, home office para todas as atividades de escritório, isolamento imediato dos grupos de risco, desinfecção dos ambientes, antecipação da vacinação do H1N1 e medição diária da temperatura corporal.

As quipes da Águas de Penha – principalmente profissionais de campo que estão em contato com o cliente – estão utilizando máscaras e luvas. O médico do trabalho da Aegea, Eduardo Augusto Nanni, explica que para  garantir a segurança destes profissionais, a companhia tem orientado para o uso correto destes equipamentos de proteção e a higienização  frequente das mãos  (principalmente ao colocar e após descartar a máscara). O médico explica ainda que os colaboradores são orientados também quanto ao manuseio correto e a troca periódica e descarte adequado dos materiais.  Já as equipes operacionais dos sistemas de abastecimento de água utilizam EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) específicos, seguindo as normas técnicas de suas atividades.

SAIBA MAIS

De acordo com o Ministério da Saúde, desde o início da pandemia provocada pelo coronavírus, uma corrida mundial em busca de máscaras de proteção fez com que elas sumissem das prateleiras. A confecção de máscaras caseiras tem se tornando um fenômeno mundial e qualquer cidadão pode fazer a sua em casa.

Além de eficiente, é um equipamento simples, que não exige grande complexidade na sua produção e pode ser um grande aliado no combate à propagação do coronavírus. Para ser eficiente como uma barreira física, a máscara caseira precisa seguir algumas especificações, que são simples. É preciso que ela tenha pelo menos duas camadas de pano, ou seja dupla face. E mais uma informação importante: ela é individual. Não pode ser dividida com ninguém. As máscaras caseiras podem ser feitas em tecido de algodão, tricoline, TNT ou outros tecidos, desde que desenhadas e higienizadas corretamente. O importante é que a máscara seja feita nas medidas corretas, cobrindo totalmente a boca e nariz e que estejam bem ajustadas ao rosto, sem deixar espaços nas laterais.

SAIBA COMO USAR MÁSCARA

– Em primeiro lugar, é preciso dizer que a máscara é individual. Não pode ser dividida com ninguém, nem com mãe, filho, irmão, marido, esposa etc. Então se a sua família é grande, saiba que cada um tem que ter a sua máscara

– A máscara pode ser usada até ficar úmida. Depois desse tempo, é preciso trocar. O ideal é que cada pessoa tenha pelo menos duas máscaras de pano

– A máscara serve de barreira física ao vírus. Por isso, é preciso que ela tenha pelo menos duas camadas de pano, ou seja, dupla face

– Também é importante ter elásticos ou tiras para amarrar acima das orelhas e abaixo da nuca. Desse jeito, o pano estará sempre protegendo a boca e o nariz e não restarão espaços no rosto

– Use a máscara sempre que precisar sair de casa. Saia sempre com pelo menos uma reserva e leve uma sacola para guardar a máscara suja, quando precisar trocar

– Chegando em casa, lave as máscaras usadas com água sanitária. Deixe de molho por cerca de 30 minutos

– Para cumprir essa missão de proteção contra o coronavírus, serve qualquer pedaço de tecido, vale desmanchar aquela camisa velha, calça antiga, cueca, cortina, o que for.

Compartilhar:

Veja Também

1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental Saiba mais
1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental

A premiação busca incentivar a realização de reportagens sobre a importância do saneamento.

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Águas de Penha e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.