Notícias

Ver notícia

No lugar das motos e carros, a bicicleta elétrica. Os leituristas da Água de Penha começaram a usar bicicletas elétricas em seu dia a dia. A ideia de adotar os equipamentos como meio de transporte surgiu a partir da necessidade de facilitar o trabalho dos colaboradores da empresa e melhorar o atendimento a regiões com muitos vazios urbanos. Com a bike elétrica, a empresa reduz a liberação de monóxido de carbono na atmosfera, uma diferença para o meio ambiente, que agradece.

Fernanda Barreto, gestora operacional da Águas de Penha, explica que antes de começar a utilizar as bicicletas, os leituristas passaram por treinamento desenvolvido pelo setor de segurança do trabalho da companhia.  Além disso, eles saem à rua com todos os equipamentos de segurança necessários para quem anda de bicicleta.

Capazes de atingir até 25 km/h – velocidade máxima permitida em ciclofaixas e ciclovias, segundo o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) – as bicicletas elétricas devem tornar o serviço mais eficiente. “Elas não só melhoram ecologicamente a vida da comunidade, como reduzem o volume de veículos no trânsito e tornam os deslocamentos saudáveis e sustentáveis”, acrescenta Fernanda.

Compartilhar:

Veja Também

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

Contato Saiba mais
Contato

A Águas de Penha oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.

1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental Saiba mais
1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental

A premiação busca incentivar a realização de reportagens sobre a importância do saneamento.