Notícias

Ver notícia

O início das obras que envolvem a construção da primeira Estação de Tratamento de Água (ETA) de Penha está mais próximo. A concessionária Águas de Penha recebeu as primeiras remessas da tubulação que será usada na construção dos 5 quilômetros da rede adutora. A estação vai promover um incremento de 70 litros por segundo de água tratada à cidade, amenizando o risco de desabastecimento no verão. Com investimento previsto de R$ 9 milhões, a ETA tem previsão de ficar pronta em até 120 dias após a liberação das licenças ambientais.

Os tubos de polietileno (Tubos PEAD) de 315 milímetros chegaram em duas carretas, totalizando cerca de 125 barras de 12 metros, o que corresponde a cerca de 30% do total encomendado pela concessionária. Ao todo, serão quatro entregas de material para a instalação da adutora. Com a chegada da tubulação, a Águas de Penha prepara o início das obras de construção da adutora para os próximos dias.

A ETA ocupará uma área de 2.370 metros quadrados, nas proximidades da rua Honório Bortolatto. O sistema captará água de uma lagoa e contará com a adutora de 5 quilômetros que vai levar água tratada até o reservatório no Mariscal, entregue pela Águas de Penha no final de 2019. De construção metálica, a ETA contará com floculadores mecânicos, decantadores de alta taxa e filtros de areia e antracito (carvão mineral).

Compartilhar:

Veja Também

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Águas de Penha e saiba mais sobre abastecimento, obras, programas e projetos.

1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental Saiba mais
1° Prêmio Águas de Jornalismo Ambiental

A premiação busca incentivar a realização de reportagens sobre a importância do saneamento.

Contato Saiba mais
Contato

A Águas de Penha oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.