Notícias

Ver notícia

Dez vereadores mirins titulares e três suplementes de Penha participaram terça-feira, dia 20, de uma visita técnica a Estação de Tratamento de Águas de São Francisco do Sul (ETA-Rocio). A atividade foi acompanhada pela coordenação do Programa Câmara Mirim e da analista de responsabilidade social da Águas de Penha, Maria Rosa França Recalde. A visita faz parte do programa Portas Abertas. O programa Portas Abertas recebe grupos da sociedade e apresenta detalhes da empresa, como as instalações da Estação de Tratamento de Água além do escritório, equipamentos de tecnologia e o funcionamento do sistema como um todo.

Durante a visita técnica, o supervisor de serviços Lucas Sousa Nogueira e o supervisor operacional Rodi Mayer Rodrigues apresentaram aos jovens parlamentares todo o processo de captação, tratamento e distribuição de água em São Francisco do Sul. Eles também falaram sobre a operação do tratamento de esgoto. Atualmente, São Francisco do Sul, conta com cerca de 30% de cobertura de esgoto.

O grupo conheceu de perto o funcionamento da estação de tratamento de água e o laboratório onde os técnicos avaliam periodicamente a qualidade da água tratada na unidade. A visita técnica foi realizada graças à parceria entre o Programa Câmara Mirim e a Águas de Penha. Além de conhecer vários detalhes operacionais, os vereadores mirins também aprenderam muito sobre consciência ambiental e a importância da água.
“Hoje temos em São Francisco do Sul uma perda média de 25% da água tratada, seja por rompimento de tubulações, vazamentos ou ligações irregulares. Por isso, sempre que vocês ou seus vizinhos identificarem um vazamento é muito importante informar a concessionária para minimizarmos essas perdas”, destaca Lucas.

“Eu achei maravilhosa a visita técnica. Aprendemos várias coisas que não tínhamos ideia de como são, graças aos profissionais que nos deram a palestra, tirando as nossas dúvidas. E o que mais me chamou a atenção foi o momento em que fomos analisar o tratamento da água passo a passo na ETA”, conta Raphaela Leal, vereadora mirim suplente da Escola Estadual Professor João Batista Paiva.

Outro vereador mirim suplente que aproveitou a visita foi Alexandre Gonçalves. “Eu achei interessante fazer essa visita para saber como a água que a gente toma chega até a nossa casa. Nunca ninguém me explicou ao vivo esse processo”, afirma o jovem representante da Escola Municipal João Batista da Cruz.

Compartilhar:

Veja Também

Legislação e Tarifas Saiba mais
Legislação e Tarifas

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário implicam em custos e investimentos permanentes.

Principais Dúvidas Saiba mais
Principais Dúvidas

Há algum projeto de revitalização sendo realizado no Rio Iriri e Gravatá? O Rio Iriri possuirá um ponto de lançamento de efluente tratado...

Águas de Penha divulga Balanço Social 2021 Saiba mais
Águas de Penha divulga Balanço Social 2021

A concessionária Águas de Penha acaba de divulgar o balanço social de 2021, com destaque para as contribuições da companhia para a socied...

Politica de Inv. Social Privado Saiba mais
Politica de Inv. Social Privado

Uma concessão é muito mais que um acordo com o poder público, é um compromisso com o lugar e com sua gente.